OS SEIS PRINCIPAIS GOLPES ON-LINE: COMO NÃO SE TORNAR UMA VÍTIMA.

FONTE: KASPERSKY

De acordo com o FBI, as vítimas dos golpes on-line nos Estados Unidos perderam US$ 672.080.232,00 em 2014 e registraram cerca de 270.000 queixas. Ninguém quer se tornar vítima (nem estatística), mas com métodos que evoluem continuamente, os hackers sempre tentam ficar um passo à frente de todos. Segue uma lista dos seis principais golpes on-line e como evitar ser ludibriado por eles.

1) Golpes de oferta de emprego

Você recebe um e-mail não solicitado com uma oferta de emprego, que geralmente não é da sua área de conhecimento, mas para uma vaga misteriosa de comprador ou um cargo parecido. Depois de aceitar, você recebe um pagamento em cheque ou ordem de pagamento com valor superior ao que seu “empregador” ofereceu. Ele pede que você devolva a diferença, e você descobre que o cheque ou a ordem de pagamento eram falsos, ficando sem o dinheiro que foi enviado ao falso empregador.

Com a proliferação de sites de redes profissionais como o LinkedIn, as ofertas de emprego não solicitadas estão se tornando cada vez mais comuns, o que significa que qualquer um que esteja desesperado para trabalhar precisa ficar atento para diferenciar ofertas legítimas e golpes. Se você aceitar um trabalho, nunca deposite cheques suspeitos antes de confirmar sua autenticidade. Para garantir, peça que o banco “retenha” os fundos até que o cheque ou a ordem de pagamento sejam verificados. Sempre que pedirem para você devolver a “diferença”, será sinal de golpe.

2) Golpes de loteria

Você recebe um e-mail informando que você ganhou um prêmio na loteria, geralmente em outro país e sempre com um valor altíssimo. Para “liberar” o dinheiro, pedem que você pague uma pequena quantia. É solicitado que você envie informações pessoais para fins de confirmação e, de repente, você se torna vítima de fraude de identidade, e o dinheiro enviado some para sempre.

Os golpes de loteria apresentam sinais específicos:

  • O e-mail vem de uma pessoa, não de uma empresa.
  • Você não é o único destinatário.
  • Você nunca ouviu falar da loteria.

Se você receber um e-mail assim, faça uma pesquisa rápida no Google para verificar sua autenticidade. (Ele nunca é legítimo.) Todos nós queremos tirar a sorte grande, mas, se você não costuma jogar, não tem como ganhar na loteria. Nunca envie informações pessoais por e-mail a quem você não conhece e nunca confie em quem oferece dinheiro fácil.

3) Golpes de beneficiário

Você recebe um e-mail de alguém que precisa transferir dinheiro rapidamente. Muitas vezes, esses e-mails vêm de pessoas que dizem ser da realeza (provavelmente você já ouviu falar do golpe do príncipe da Nigéria), mas, na maioria das vezes, vêm de um “empresário” que diz precisar transferir milhões para fora do país e quer sua ajuda em troca de parte dos lucros. O remetente inclui detalhes suficientes para fazer a oferta parecer legítima. Mas o dinheiro sempre atrasa, e você é forçado a fazer vários pagamentos pequenos para facilitar a transferência dos fundos. É fácil cair nesse golpe quando você está passando por uma maré de azar, mas procure sinais de que as coisas não são o que parecem. A ortografia e a gramática ruins no e-mail original, e um endereço de resposta que não coincide com o do remetente, são provas de que, principalmente na Internet, tudo o que parecer bom demais para ser verdade, nunca é.

4) Golpes de relacionamento on-line

Você encontra alguém em um site de relacionamento ou uma sala de bate-papo, começa a conhecer a pessoa e tudo parece ser real. Entretanto, nunca sabemos quem está do outro lado da tela. Se você estiver em um relacionamento on-line com alguém que começa a pedir dinheiro ou fotos íntimas, ou que pede para você redirecionar os itens que lhe envia, essa pessoa é golpista. “Scammers”, como costumam ser chamados, geralmente usam a identidade de uma pessoa real para parecer autênticos e passar informações reais, mas enviam fotos e informações de contato falsas para encobrir não ser descobertos. Os golpes de relacionamento on-line costumam apresentar alguns componentes característicos:

  • Demonstração de afeto forte em muito pouco tempo.
  • Mudança rápida dos sites de relacionamento para canais privados.
  • Solicitações de dinheiro por conta de alguma dificuldade pessoal, como um parente doente ou a falência de uma empresa.

Para evitar esses golpes, você deve analisar cuidadosamente qualquer relacionamento on-line que floresça muito rapidamente. Nunca dê dinheiro à pessoa, a menos que também se relacione com ela off-line. E se você for encontrar essa pessoa fora do ciberespaço, informe para algum conhecido o local do encontro, apenas por segurança.

5) Golpes de fraude em organizações filantrópicas

Depois de grandes desastres naturais ou outras tragédias de grande visibilidade, você tem vontade de ajudar como pode, e os golpistas se aproveitam dessas situações. Eles criam sites e contas falsas para doação, depois elaboram um e-mail com tom envolvente para angariar fundos que jamais chegarão às vítimas. Esses golpes dão certo porque apostam no lado solidário das pessoas, mas sempre pesquise antes de contribuir. Inspecione a legitimidade de todos os sites de doações e confira se estão realmente associados aos problemas que dizem representar. Não doe para sites que parecem suspeitos. As instituições beneficentes reais têm sites íntegros, com uma declaração de sua missão e documentos de isenção fiscal.

6) Golpes de reparos

Em um golpe que começa no mundo real e rapidamente segue para o virtual, você recebe uma ligação de um funcionário que diz trabalhar na “Microsoft” ou em outra grande empresa de software para resolver problemas no computador, como lentidão na Internet ou no tempo de carregamento. Parece útil. Quando chega um e-mail em sua caixa de entrada, você baixa um programa de acesso remoto que os golpistas usam para assumir o controle de seu computador e instalar malware. Nem todos os clientes conhecem bem a tecnologia, por isso, muitos não sabem como funciona um computador e acabam sendo facilmente manipulados pelos golpistas. Depois que instalam o malware, eles têm acesso a seus arquivos, dados e informações pessoais.

Nunca aceite reparos não solicitados e não compre serviços de manutenção, a menos que saiba exatamente com quem está falando. Não permita que ninguém acesse o seu computador remotamente. Se alguém ligar, peça informações de identificação. Se você fizer muitas perguntas, o golpista perceberá que você não é fácil de enganar.

Agora que você já sabe o que esperar dos golpistas virtuais, fique de olhos abertos para não cair em armadilhas. Quanto mais espertos os golpistas se tornam, mais é preciso estar atento para proteger seu computador e suas informações.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s